Cá em casa, Estilo de Vida

São Jorge

É  hoje celebrado o Dia de São Jorge, por ser apontado como o dia do seu falecimento (23/04/303), ainda jovem, pensa-se. A data do seu nascimento não é conclusiva, porém aponta-se que terá sido na Capadócia (Turquia).

Segundo dados históricos, foi um Soldado Romano. Santo padroeiro em diversas partes do Mundo e imortalizado na lenda em que mata o dragão.

A sua mãe era possuidora de muitos bens e após a sua morte, Jorge doa a sua herança aos pobres e necessitados.

Diocleciano (Imperador Romano), no ano de 303, mandou prender todos os soldados romanos cristãos. Jorge, revoltado, foi ao encontro do imperador para se opor e declarar-se como Cristão, facto que era desconhecido. O imperador tentou demover Jorge da sua fé, oferecendo-lho terras e dinheiro, mas Jorge manteve-se sempre fiel. O imperador, não sabendo mais o que fazer, ordenou que Jorge fosse degolado.

 

São Jorge é associado a um dragão devido às lendas existentes:

* Conta a lenda, que os habitantes da Líbia pediram ajuda a São Jorge para deter um dragão que ali havia. Perigoso e que sacrificava raparigas., existindo só a filha do rei.

São Jorge ofereceu-se para lutar com o dragão, libertando a cidade daquela terrível opressão. Montando a cavalo branco com a sua lança feriu o dragão e, ordenando à princesa que tirasse o seu cinto e com ele amarrasse o pescoço do dragão, trouxe-o preso para a cidade. Aí chegados matou o dragão perante todos os habitantes, depois de exigir em troca a sua conversão ao cristianismo.

 

*Na Líbia, Jorge encontrou um pobre que disse-lhe que toda a cidade estava em sofrimento, devido um enorme dragão cujo hálito venenoso podia matar toda uma cidade. O homem acrescentou que todos os dias o dragão exigia o sacrifício de uma rapariga e que só restava a filha do rei, que seria sacrificada no dia seguinte ou dada em casamento a quem matasse o dragão.

Ao ouvir a história, Jorge ficou determinado em salvar a princesa. Passou a noite na cabana do homem e quando amanheceu partiu para o vale onde o dragão morava. Ao chegar ao local a princesa, estava sendo conduzida para o local do sacrifício. São Jorge colocou-se diante da princesa e convenceu-lhe a voltar para casa.

O dragão, ao ver a atitude de Jorge, sai de sua caverna, rosnando tão alto quanto o som de trovões. Mas Jorge não sente medo e enterra sua espada na garganta do dragão, matando-o. Jorge e a Sabra vão para Inglaterra.

 

Em Portugal:

Pensa-se que com a conquista de Lisboa surgiu a primeira devoção a São Jorge. Mas é com D. Nuno Alvares Pereira que São Jorge é reconhecido como padroeiro de Portugal.

Castelo de São Jorge em Lisboa, aqui

 

Na música:

🎶 Jorge de Capadócia de Jorge Ben, interpretada também por Caetano Veloso, Fernanda Abreu e pelos Racionais MC’s; 

🎶 Alma de Guerreiro de Seu Jorge. A música é a abertura da telenovela  Guerreira (Salve Jorge);

🎶 Flash of the Blade, da banda inglesaIron Maiden;

🎶 A banda brasileiraAngra utilizou a imagem do santo na capa do álbum Temple of Shadows;

🎶 Zeca Pagodinho no álbum “Uma Prova de Amor” a música Ogum. A oração de São Jorge é feita no excerto final da música pelo cantor e compositor Jorge Ben; 

🎶 Moacyr Luz e Aldir Blanc fizeram em homenagem ao Santo a música Medalha de São Jorge, gravada pela Cantora Maria Bethânia em 1992.

 

📖 Existe ainda um romance sobre São Jorge criado pelo escritor italianoTito Casini chamado Perseguidores e Mártires  (editado pelas Edições Paulinas, 1960). No livro, São Jorge é retratado como o verdadeiro paladino da Capadócia que, apesar de ser perseguido pelo tirano imperador Diocleciano, manteve-se fiel ao Império Romano, mas também a Cristo e se recusou a contrair alianças com o genro do imperador, Galério, que pretendia ter o apoio do conde da Capadócia para liderar um golpe contra Diocleciano, o que o santo militar recusou terminantemente.

Quanto a mim, São Jorge,

imensamente Grata por me acompanhares 💞

Imensamente Grata por me ouvires 💞 

 

💖Daniela

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *