O Melhor da Vida

Como ser livre…

 
 
 

Há tempos dizia que só me faltava fumar (não foi bem isto mas fica a ideia).

 

Surge o conceito dos novos Hippies do séc. XXI, e então percebo que não me falta nada.

 

No livro Bliss: Transformational Festivals & the Neo Hippie,  Steve Schapiro identifica os novos Hippies com atividades como o Yoga, a Meditação, a Dança e o contacto com a Natureza. A procura de uma alimentação saudável – comida orgânica – de energias renováveis e terapias holísticas e homeopáticas.

 

“O que vimos foi que as pessoas buscam entrar em um estado de felicidade verdadeira”

 

Para esta felicidade verdadeira é essencial perceber se gostamos realmente da vida que levamos, ou se carregamos a vida que os outros (sejam lá eles quem forem) nos escolheram.

Vale a pena pagar a mensalidade da casa? Vale a pena pagar a mensalidade do carro? Vale a pena passar o da fechado/a (trabalhando? Gosto do meu trabalho? Trabalho por causa do dinheiro? Sinto-me bem nesta cidade? E a escola dos meus filhos, faz sentido? Preciso ter 100 canais na televisão?

 

“Vale a pena ficar preso a um emprego que não gostam, simplesmente pela grana no fim do mês ou se é melhor diminuir suas “necessidades” e ser mais livre“

 

“Muitos desses novos hippies são pessoas estudadas que atingiram estágios altos na sociedade de consumo e simplesmente se encontraram infelizes, com uma falta de sentido profundo na vida, resolveram então dar basta nesta corrida maluca de ratos e sereposicionaram perante a vida e bagunçaram sua zona de conforto.”

 

 

“Como ser livre, se sou dependente?”

 

 

Larga tudo!

 

Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *